Espanha

A Espanha é um país mariano desde o primeiro século, se acreditamos na tradição, segundo a qual o apóstolo São Tiago teria tido a graça de ver a Virgem Santíssima que lhe apareceu sobre uma coluna (santuário del Pilar). Esta tradição só foi registrada no século XII. O santuário é muito considerado pelos espanhóis. O Papa João Paulo II. também o visitou.

A arqueologia encontrou, em Mérida (Emérita Augusta, município da Espanha, fundado no ano 25 a.C), a Igreja Santa Maria, do século II ? período anterior à perseguição de Décio (200-251).

Sob o santuário de Nossa Senhora del Pilar, descobriu-se uma basílica dedicada à Assunção, datando do século III ou IV.

No final do século V, desenvolveu-se a liturgia hispânica, onde Maria é exaltada como a nova Eva, a Mãe de Deus e nossa Mãe, a medianeira de todas as graças, a sempre Virgem, assunta ao Céu, imagem da Igreja.

Os principais santuários da Espanha são, entre tantos, o del Pilar, em Saragossa, o de Monserrat e o de Aranzazu.

Não podemos esquecer que a reforma do Carmelo, iniciada em Ávila, no século XVI, foi colocada sob a proteção de Nossa Senhora e de São José.

____________________

Cf. Attilio GALLI, Madre della Chiesa dei Cinque continenti, (Mãe da Igreja dos Cinco Continentes), Ed. Segno, Udine, 1997, pp. 319-320.