Os principais santuários marianos

Será que existe um único país no mundo que não possua, ao menos, um santuário dedicado à Virgem Maria?  Na verdade, Maria está presente em todos os continentes da Terra, ainda que alguns lugares memoráveis da oração mariana tenham se tornado, devido à amplidão de seu esplendor, santuários internacionalmente conhecidos e freqüentados, por milhares de peregrinos, a  cada ano.

Assim acontece, por exemplo, com os santuários de Nossa Senhora de Guadalupe (México), na América Latina, de Nossa Senhora Aparecida, no Brasil, de Nossa Senhora de Fátima, em Portugal, de Nossa Senhora de Czestochowa, na Polônia, de Nossa Senhora de Loretto, na Itália, de Nossa Senhora de Vladimir, em Moscou, de Nossa Senhora de Velankanni, na Índia, de Lavang, no Vietnã, d'Akita, no Japão, de Nossa Senhora da Paz, em Yamoussoukro, Costa de Marfim, de Nossa Senhora da África, na Argélia, ou ainda, o de Nossa Senhora de Altötting na Alemanha, o de Walsingham, na Inglaterra, o de Lourdes, na França, e muitos outros que recebem multidões de peregrinos vindos para honrar e rezar à Maria, a Virgem do Rosário e de todas as intercessões...

Tudo isso teve início, é claro, há 2000 anos, em Nazaré, na Galiléia, num pequeno burgo da Terra Santa, onde Maria recebeu a visita do Anjo Gabriel, quando da Anunciação. Hoje, uma grande Basílica está sendo erguida em Nazaré no local onde a Virgem pronunciou o seu “Sim” que permitiu que Ela se tornasse a Mãe do Messias anunciado às Nações, o Cristo Jesus. Nazaré é o primeiro santuário Mariano, santuário universal.